blog

Varejo Online: Vantagens e Perspectivas

25/09/2019 Leandro Cavalieri
Varejo Online: Vantagens e Perspectivas

Com a grande disseminação da internet nas últimas décadas, é até difícil lembrar da época em que só existiam lojas físicas. Hoje, praticamente qualquer pessoa pode abrir sua loja - tendo um computador, uma conexão de internet e um conhecimento básico de gerenciamento. Esse é o poder do varejo online!

Há uma série de vantagens de se abrir um e-commerce em comparação com uma loja física. Confira algumas delas a seguir.

1. Menor custo operacional

O benefício mais evidente dos e-commerces é o fato de que eles possuem, no geral, um custo operacional bastante reduzido - a começar pela ausência de um ponto de venda física. Sem aluguel, água, luz, telefone, IPTU etc. a loja virtual sai consideravelmente mais em conta. Além disso, a princípio não é preciso ter uma equipe muito grande para gerenciar um e-commerce.

2. Facilidade de acesso para o cliente

Um computador ou celular e uma conexão de internet são suficientes para chegar à sua loja. Sem trânsito, sem gasto com gasolina ou passagem de ônibus, há menos empecilhos para o cliente comprar com você.

3. Praticidade de monitoramento de desempenho

Por meio de plataformas como o Google Analytics, é fácil ver o desempenho geral do seu e-commerce. Quantas pessoas acessaram a loja? Quanto tempo em média passaram navegando? Quantos usuários saíram do site sem comprar nada? Essas e muitas outras perguntas podem ser respondidas sem muita demora com a ajuda de uma boa ferramenta de análise.

O mesmo vale para anúncios em meios digitais. Curtidas, comentários, compartilhamentos, cliques, visualizações e outras métricas ficam armazenadas na plataforma de anúncios usada (como o Google Ads ou o Gerenciador de Anúncios do Facebook). No caso de anúncios em meio físico (como flyers, outdoors e panfletos) o monitoramento é mais complexo, normalmente feito por meio de estimativas.

4. Facilidade de gestão

A infraestrutura mais simples mencionada no item 1 também tem como consequência uma simplificação na gestão da loja virtual. Hoje existem muitas plataformas para o varejista escolher, dependendo da complexidade do negócio ou do quanto ele está disposto a investir - todas, a princípio, dão algum tipo de suporte.

5. Maior flexibilidade para montar o catálogo

Por meio de parcerias com seus fornecedores, o lojista virtual consegue elaborar um catálogo variado, sem necessariamente manter um estoque próprio (algo que teria de fazer se tivesse uma loja física).

Com mais tipos de produtos à disposição, as chances de fechar uma venda aumentam. E, sem um estoque físico, não há problema com produtos “encalhados”.

6. Facilidade para estudar o mercado

Uma vez na internet, é possível estudar seus concorrentes: o que estão vendendo? quais são os seus produtos de maior sucesso? quais as reclamações feitas a respeito deles? quais as perguntas mais comuns entre os consumidores do setor?

Informações como essa são valiosas na hora de elaborar sua própria estratégia de negócios.

7. Maior poder de alcance

Tecnicamente, pessoas do mundo todo podem chegar à sua loja virtual, um alcance muito maior do que o de uma loja física, limitado à região do ponto de venda. Com uma boa estratégia de vendas e de logística, você pode atingir uma infinidade de clientes em potencial.

Você já possui uma loja virtual? Conte para nós na seção de comentários. Ficou com alguma dúvida sobre o tema? Comente também! Ficaremos felizes em lhe ajudar.

Continue acompanhando a Comunidade Sebrae para se manter sempre por dentro dos mais variados assuntos.

Fonte: Comunidade Sebrae

Compartilhar nas redes sociais

posts relacionados

© Winsite 2012-2019. Todos os direitos reservados.

Logotipo Winsite Agência Web